Gestão de estoque na indústria 4.0

Gestão de estoque na indústria 4.0: conceito e exemplos

O sucesso da gestão de estoque impacta diretamente nos resultados da empresa através da minimização de gastos e riscos. Um erro, seja no planejamento ou inventário, pode causar problemas no tempo de produção ou na experiência do consumidor, por exemplo.

Por isso, adotar as boas práticas para este gerenciamento é fundamental para ganhar competitividade no mercado. E a indústria 4.0 possibilitou diversas soluções para esse objetivo, como ao criar maior automação de processos e integrar as áreas do negócio.

Continue lendo e veja como as novas tecnologias levam a gestão de estoque para um próximo nível. Mais que isso, surpreenda-se com a acessibilidade dessas soluções, que impactam diretamente no fluxo e na eficiência das empresas de todos os portes.

Primeiro, o que é gestão de estoque?

O que é gestão de estoque?

A gestão de estoque é um processo que envolve várias atividades relacionadas aos produtos, como organização e controle em uma empresa. Tem a ver com o lugar onde mercadorias são alocadas e a gestão dele é o gerenciamento sobre como isso aconteceu.

Um erro comum de gestores e profissionais é ver essa etapa da armazenagem apenas como a “alocação” de itens. Na verdade, quando a gestão é bem executada, indica diversos benefícios para a operação e, inclusive, afeta outras áreas. Por exemplo:

  • Melhora o nível de atendimento ao cliente e a experiência do usuário;
  • Reduz os custos totais do estoque e aumenta a competitividade do negócio;
  • Otimiza o giro de estoque, sem que sobrem ou faltem produtos, etc.

E para que esse bom gerenciamento aconteça, é necessário contar com a indústria 4.0

É aqui que esses assuntos se conectam porque, por meio de ferramentas tecnológicas e soluções estratégicas, os profissionais podem tomar melhores decisões. Gerenciando muito melhor o estoque da empresa e chegando aos benefícios exemplificados acima.

Como a indústria 4.0 impacta na gestão de estoque?

Bem, entender o que é gestão de estoque não é tão complicado. E também é simples observar como a indústria 4.0 atua nesse sucesso. Mas, de que maneira isso acontece? O que seriam essas ferramentas de tecnologia e decisões estratégicas?

Assim como na logística 4.0, trata-se de um conceito multifatorial. Envolve um conjunto de boas ações integradas que geram efeitos positivos para os negócios. Brevemente, vamos citar um exemplo para entender como acontece na prática.

A inspeção de sistemas de armazenagem (ISA) permite à empresa saber se as estruturas estão confiáveis para as operações. Só que, ao mesmo tempo, traz outros benefícios que impactam diretamente na produtividade e eficiência do dia a dia de trabalho. Sabe por quê?

  • É uma forma de maximizar a vida útil das instalações;
  • Permite ao gestor quantificar e qualificar seus ativos;
  • Traz mais segurança para quem atua naquele ambiente;
  • Cria documentos que concordam com as normas do setor;
  • Possibilita identificar e melhorar a organização dos produtos.

Isso significa que uma única atividade vai permitir uma melhor gestão no todo. Além disso, esse serviço é um ótimo exemplo de que as inovações são acessíveis a todas as empresas. A indústria 4.0 pode e deve fazer parte da sua gestão para decisões mais estratégicas.

Para saber mais do serviço de inspeção, clique na imagem:

Solicite o serviço de inspeção de sistemas de armazenagem!

No entanto, vale mencionar que não é apenas nas atividades de armazenagem que a indústria 4.0 atua. O uso de tecnologias que integram informações é outro exemplo, assim como o método utilizado na gestão do estoque. Vamos ver mais disso abaixo.

Como aplicar a indústria 4.0?

Como aplicar a indústria 4.0?

A indústria 4.0 permitiu que a gestão de estoque fosse otimizada, por meio do uso de recursos e inovações. A partir disso, as empresas conseguiram integrar informações, automatizar processos e tornar o fluxo mais eficiente da compra à distribuição das mercadorias.

Neste tópico, veja algumas ideias de aplicação da indústria 4.0 na gestão de estoque e as vantagens de investir nessa estratégia.

Sistema de gerenciamento

O WMS (Warehouse Management System) é o mais conhecido exemplo de sistema de gerenciamento de informações. É uma tecnologia de informações e monitoramento, responsável por acompanhar todo fluxo das mercadorias na operação.

A vantagem está na maior visibilidade do estoque. Em alguns cliques, o gestor tem acesso a dados em tempo real, permitindo decisões mais assertivas. Logo, ele previne erros e possibilita um melhor planejamento ou adaptações em qualquer parte do processo.

Metodologia

Para falar das metodologias de estoque, uma sugestão é a Curva ABC. A técnica determina o valor das mercadorias a partir da importância financeira delas para a empresa. Ou seja, há uma classificação que integra dados de custos, riscos e outras informações.

Entre os principais benefícios, temos a redução de custos, principalmente com relação às despesas de armazenamento, perdas ou obsolescência. O que também permite uma melhor adequação para manter os níveis a partir do interesse e objetivo do negócio.

Sistema de estoque

O método FIFO e LIFO são as opções mais conhecidas na busca pela otimização dos processos operacionais no estoque das empresas. São técnicas que devem estar alinhadas à gestão, de maneira que possam proporcionar maior precisão e eficiência.

Por exemplo, o FIFO é mais indicado para lugares que atuam com produtos perecíveis, como supermercados e indústrias de alimentos. Já o LIFO é uma boa ideia para empresas com alta rotatividade de mercadorias, como as que comercializam eletrônicos e games.

Estruturas de armazenagem

Outro exemplo de como aplicar a indústria 4.0 no estoque vem das estruturas de armazenagem. Independentemente do tipo de produto ou espaço disponível, elas podem mudar o jogo! Entre eles, o Porta-Paletes, Drives, Cantilever, Mezaninos, entre outros.

Ao alocar os produtos nessas estruturas, a movimentação no estoque se torna mais rápida, flexível e precisa. Isso permite que os profissionais respondam mais rapidamente às demandas, melhorando a experiência do consumidor final.

Para conhecer as nossas estruturas da armazenagem, criadas a partir de projetos personalizados para cada empresa, baixe o catálogo gratuito:

Clique e acesse o catálogo de sistemas de armazenagem da ISMA!

Continue aprendendo sobre a gestão de estoque na indústria 4.0

Como vimos ao longo do conteúdo, não existe solução mágica para uma gestão de estoque de sucesso. Porém, a indústria 4.0 possibilita o uso de ferramentas e recursos que, em conjunto, podem aprimorar esse gerenciamento de maneira muito mais estratégica.

Para tanto, é fundamental que os profissionais do setor se mantenham atualizados com notícias, ferramentas, tecnologias, insights e outras formas de manter o aprendizado contínuo. E depois aplicar na operação conforme a realidade das empresas.

No nosso blog, publicamos materiais informativos gratuitos todas as semanas com foco nesses assuntos. Clique aqui para acessar o blog ISMA. Por lá, você pode assinar, também gratuitamente, nossa newsletter para receber conteúdos personalizados no seu e-mail.